IoT: O que é, onde aplicar e quais as vantagens?

23 nov, 2021 | Tecnologia | 0 Comentários

Internet das Coisas e IoT são termos que têm sido cada vez mais utilizados nesta era digital. Conheça seu significado, aplicações e vantagens neste artigo.

O que é IoT?

IoT é a sigla para Internet of Things, em inglês, e significa Internet das Coisas. Esse é o conceito usado para qualquer dispositivo que se conecte à internet. 

Isso inclui desde celulares a fones de ouvido, lâmpadas, geladeiras, máquinas de lavar, cafeteiras, itens vestíveis (wearables) ou qualquer aparelho com essa ligação com a web.

A Internet das Coisas também pode ser levada a carros e até a cidades inteiras.

Como surgiu a IoT?

Em 1999, o engenheiro Kevin Ashton foi a primeira pessoa a usar o termo Internet das Coisas, enquanto trabalhava na Procter & Gamble.

Então com 30 anos de idade, ele tentou convencer a empresa a usar etiquetas inteligentes RFID nos produtos da marca.

Esse termo foi usado em uma apresentação que ele fez aos diretores da companhia, mas não ficou popular imediatamente. 

Tanto o nome IoT quanto esse conceito em prática começou a ganhar força apenas há pouco mais de uma década, especialmente quando uma hashtag #IoT chegou aos trending topics do Twitter em 2009. 

Como funciona a Internet das Coisas?

Os smartphones desempenham um grande papel na Internet das Coisas. uma vez que muitos dispositivos IoT podem ser controlados por meio de um aplicativo em seu celular. 

Por exemplo, por meio de seu smartphone você pode programar a temperatura ideal do ar condicionado IoT ao chegar em sua casa. 

Os dispositivos IoT contêm hardwares e softwares que atuam nos dados coletados pelos sensores por meio de Machine Learning.

Machine Learging (aprendizado de máquina) é quando os computadores aprendem as coisas de maneira semelhante aos humanos — coletando dados ao seu redor — é isso o que torna os dispositivos IoT inteligentes. 

Dessa forma, uma geladeira conectada pode enviar um alerta em seu smartphone de que você está com pouco leite ou ovos assim que você passar perto de um supermercado. Incrível, não?

Por que a Internet das Coisas é importante?

A IoT permite o monitoramento de dados

Dispositivos IoT têm a capacidade de monitorar e enviar informações importantes e variadas para um banco de dados. 

Esses dados podem ser colocados em um dashboard para acompanhamento em tempo real das atualizações referentes aos dispositivos e o que eles rastreiam. 

A IoT ajuda na decisões

Por permitir a coleta de uma grande quantidade de dados em diferentes áreas, a IoT facilita e melhora a tomada de decisões.

Por exemplo, no varejo, produtos com etiquetas inteligentes RFID que estão próximos do vencimento podem ser facilmente identificados antes que haja um desperdício da mercadoria. 

A IoT é aliada da automação

A IoT poupa muitos esforços humanos. Da Indústria 4.0 às casas inteligentes, a Internet das Coisas facilita a automatização de diversos processos, como controle de acesso, luzes e eletrodomésticos.

A IoT traz economia de custos

Um exemplo simples é que se as luzes se apagam automaticamente no momento em que você sai da sala, isso trará muita economia na conta de luz.

A IoT melhora a qualidade de vida

No final, todos os benefícios listados acima levam a uma maior qualidade de vida.

Ter seus dispositivos monitorando e fazendo as coisas por você, desligando as luzes e ajudando a gerenciar tarefas importantes que demandem tempo ao fazer sozinho, certamente poupa você de muitas situações estressantes.

Além disso, aqueles que se exercitam regularmente podem usar vestíveis, como smartwatches, para monitorar a frequência cardíaca, temperatura corporal, hidratação e, assim, se manter em forma e saudável.

Como a internet das coisas proporciona segurança?

A segurança é uma das maiores preocupações na IoT, especialmente relacionada à ética, privacidade e responsabilidade dos dados. 

Com milhões de novos dispositivos conectados todos os dias, o número de ciberataques potenciais e reais cresce a cada dia. Com isso, a segurança passou a ser um dos itens essenciais na IoT.

Por outro lado, a própria IoT é uma tecnologia que colabora com a segurança da informação. Veja como:

  • Rastreabilidade: a Internet das Coisas permite o rastreamento dos ativos de uma empresa, por meio de etiquetas inteligentes RFID, por exemplo;
  • Eliminação de falhas humanas: como mencionado anteriormente, a IoT colabora a com a automação, o que reduz o risco de falhas humanas;
  • Prevenção de roubos: qualquer desvio no estoque ou no transporte pode ser identificado em tempo real com a IoT.

Quais são os exemplos de Internet das Coisas?

A Internet das Coisas tem várias aplicações. Veja a seguir, de forma resumida, como ela pode ser executada em três áreas:

1. Em casa

A Internet das Coisas é o principal recurso de uma casa totalmente inteligente e segura. A IoT conecta uma variedade de sensores, alarmes, câmeras, luzes e microfones para fornecer segurança 24 horas por dia, tudo sendo controlado a partir de seu smartphone. 

2. Na saúde

Alguns dispositivos IoT possuem sensores que são projetados para serem usados ​​durante o dia para monitorar e transmitir indicadores de saúde em tempo real.

Entre esses indicadores estão: fadiga, apetite, movimento físico, níveis de oxigênio, pressão arterial, detecção de quedas e conformidade com a ingestão de medicamentos. 

Esse monitoramento da saúde em casa reduz o número de consultas médicas de emergência ou hospitais e ajuda os idosos ou pessoas com deficiência a terem uma vida mais independente.

3. No varejo e logística

Ao longo deste artigo, você viu alguns exemplos de como as etiquetas inteligentes RFID são um recurso de IoT que trazem diversos benefícios a uma empresa.

Essas tags de identificação por radiofrequência quando conectadas à internet podem levar informação em tempo real a um dispositivo de visualização, como um computador, tablet ou celular.

As etiquetas RFID podem ser de diversos formatos e materiais, como papel, adesivo, tecido, plástico, cartão, argola, silicone, vidro e epóxi.

A finalidade do RFID é semelhante aos códigos de barras, mas com um processo muito mais rápido, mais conveniente e praticamente livre de erros.

Conclusão

A Internet das Coisas tem aumentado cada vez mais sua presença em diferentes tipos de dispositivos. 

Neste artigo, você viu mais sobre o conceito de IoT, qual seu funcionamento e suas vantagens. Por fim, conferiu exemplos práticos de sua aplicação, como o RFID. O que acha de conhecer mais sobre essas etiquetas inteligentes? Clique aqui.

5/5 - (2 votes)

Gostou do conteúdo? Confira outros assuntos que podem ser interessantes para você!

etiquetas RFID

Entenda as normativas GS1 em relação as etiquetas RFID

A tecnologia de identificação por radiofrequência, mais conhecida por sua sigla em inglês RFID, já é uma tendência consolidada. Afinal, otimizar o reconhecimento e a rastreabilidade dos itens é a melhor estratégia para melhorar a performance nos negócios. Mas as...
Pontos importantes das etiquetas RFID

Pontos importantes das etiquetas RFID

Já pensou em dar um passo além do código de barras e alavancar seus negócios com muito mais segurança e eficiência? Se a resposta é sim, está na hora de investir nas etiquetas RFID - a identificação por radiofrequência, na sigla em inglês. Elas estão revolucionando os...
rastreabilidade de insumos e importante no seu processo

Por que a rastreabilidade de insumos é importante no seu processo?

Seja qual for o ramo ou o tamanho da indústria, a qualidade dos produtos finais é determinante para o sucesso. Mas é praticamente impossível manter um padrão de excelência sem rastreabilidade no processo. O monitoramento preciso e automático dos insumos pode evitar...
tiquetas RFID para varejo tudo sobre angulo de leitura da irradiacao

Etiquetas RFID para varejo: tudo sobre ângulo de leitura da irradiação

Durante muitos anos os códigos de barras foram a tecnologia dominante no varejo. No entanto, esse cenário está mudando rapidamente com a crescente utilização das etiquetas RFID. A solução oferece muito mais eficiência operacional e benefícios. E uma de suas grandes...
Descarte de etiquetas RFID

Descarte de etiquetas RFID

Quem já conhece a quantidade de funcionalidades das etiquetas RFID pode acrescentar mais duas à lista: o gerenciamento do ciclo de vida de um produto e a indicação da melhor forma de reciclagem ao final da vida útil.  Hoje, a tecnologia é considerada essencial na...
sinais-de-que-você-precisa-otimizar-os-processos-do-seu-negócio

4 sinais de que você precisa otimizar processos do seu negócio

Otimizar os processos da empresa não é uma alternativa, é uma necessidade a qualquer organização. Mas em uma época em que a transformação digital rege os novos rumos dos negócios, muitos procedimentos estão se tornando rapidamente obsoletos. É preciso saber a hora de...
Etiquetas-RFID-e-Metaverso-uma-tecnologia-invalida-a-outra

Etiquetas RFID e metaverso: uma tecnologia invalida a outra?

Etiquetas RFID e metaverso são dois assuntos do momento quando o tema é tecnologia. E não tem como ser diferente em um momento em que os ambientes de negócios estão cada vez mais digitais. O metaverso ainda está dando seus primeiros passos, mas os lucros milionários...
RFID qual a frequencia ideal para a sua aplicação

RFID: qual a frequência ideal para a sua aplicação

Quem está antenado com as novas tecnologias e busca melhores inovações para seu negócio com certeza já ouviu falar na tecnologia RFID.  A solução tem tantas aplicabilidades que pode ser utilizada em praticamente qualquer área: do controle de estoque à identificação de...
tags rfid

Como configurar as tags RFID e definir a zona de leitura

As tags RFID estão entre as soluções mais modernas dovarejo. Basta umaetiqueta para armazenar uma grande quantidade de dados e ler à distância informações valiosas para o controle deestoque einventário, mas também do fluxo e acesso de pessoas e veículos aos mais...
pessoa usando uma pulseira de acesso com leitora rfid

O uso do RFID para a gestão e o controle de acesso de pessoas em diversos locais

Muito se tem falado sobre o uso da RFID no varejo, já que a tecnologia é uma das formas mais eficientes, práticas e seguras de identificar e controlar mercadorias. No entanto, outra funcionalidade se destaca entre as empresas: identificar e controlar o acesso de...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest

Share This